Soluções para modernização de espaços


O perfil dos visitantes de museus vem mudando, e cada vez mais a procura é por uma experiência de entretenimento e conhecimento. É importante que a linguagem adotada em projetos museográficos esteja de acordo com esse visitante que carrega consigo as novas perspectivas da atualidade. As Tecnologias de Informação e Comunicação são meios criativos e inovadores para priorizar e contextualizar os conteúdos a partir de um suporte informacional. Interatividade, movimento e navegação são elementos que colaboram para tornar esse espaço vivo. Atualmente a tecnologia está cada vez mais próxima e presente no cotidiano das pessoas, proporcionando liberdade ao visitante, uma vez que os suportes tecnológicos dependem diretamente da sua manipulação e intervenção. Essa nova dinâmica faz com que o celular, por exemplo, se torne um difusor de informações e um agregador de conteúdo que acompanha o usuário mesmo depois de sua visita a exposições.

Formas de Exploração de Linguagem Hipermídia:

  • Instalação de audioguias portáteis ou fixos;
  • Ambientação de espaços expositivos com recursos sensoriais (som, imagem, texturas e aromas);
  • Digitalização de acervo nos mais variados suportes;
  • Desenvolvimento de base de dados eficiente para catalogação das coleções;
  • Utilização das ferramentas de celular, como bluetooth, podcast, sons e imagens.